sábado, 30 de junho de 2012

Tô quase chegando !

Salut à tous!

Apesar de ser madrugada para mim, o horário externo devia ser umas 8 ou 9 da manhã, não sei quantos fusos a gente já tinha passado (nessa época Paris estava +5 horas) foi quando alguém do avião abriu a janela e entrou um clarão ahhhh já tava sol lá fora e eu ainda não tinha olhado para fora do avião de dia, como será? Claro que eu também ia abrir a minha janelinha hahahha, já que a aeromoça tinha fechado hunnfff e na real eu não sabia se eu poderia abrir ainda, ou ia levar um xingão de alguém e passar vergonha hehehe ah que se dane, só uma olhadinha vai, bem rápido!!! (oi prazer sou Vânia Wolf e sou curiosa hehe!) Daí eu fui ver uma das coisas mais incríveis e lindas que eu já vi na face da Terra em todos os tempos !!! O que era aquele Oceano Atlântico imenso, infinito e azulzão, e o céu sem nenhuma nuvem e o sol trincando... uns 5 minutos de queixo caído e olhos arregalados!
Fotos da internet - Eu não tirei fotos, deixei minha câmera e meu celular no bagageiro, mas a visão é mais ou menos essa, só que mil vezes mais legal!!!!


Fechei a janela antes que alguém reclamasse hehe mas só pensava no que tinha acabado de ver, realmente não há palavras para tentar descrever ou tentar explicar o quão lindo era! E todo mundo lá dormindo e eu só querendo abrir de novo aquela janela. Na segunda vez que eu abri (e quem me segura???) tava ainda mais incrível, quando eu olhei para baixo tinha um outro avião na mesma rota que a nossa, só que bem mais embaixo, super legal e láááá embaixo no Oceano dava pra ver os rastros brancos (finos como um fio de cabelo) deixados pelos navios cargueiros que passavam, que posso dizer que tinham o tamanho de formiguinhas. Wowww era muito fantástico! Lindississimo! Olhei no mapa e estávamos chegando perto da costa da Africa, Ilhas Canárias e Ilha da Madeira, então me contentei em fechar a janela e quem sabe dali meia hora aqueles "dorminhocos" não acordassem finalmente huahuahua e eu poderia ficar com a minha janela aberta sem medo de represálias hihihi posso até ter dado um leve cochilada, o pessoal começou a acordar, a zanzar pelo avião e o sol tava batendo forte clareando o ambiente, então era isso quem dormiu, dormiu e quem não dormiu se ferrou não dorme mais ! huahuahua até que não era só eu que tava abrindo as janelas e projetando luzes para “cegar” as pessoas hehe eu queria ver o continente, terra firme à luz do dia pela primeira vez! E putz é lindo! Eu já tinha ate me acostumado com a ideia de estar dentro de um avião (ah vá, não tinha muito pra onde correr né!) tão instável e tão sensível no meio do Atlântico tão alto...acho que todo mundo pelo menos uma vez na vida tinha que ter uma oportunidade de cruzar o Oceano, não tem preço!! Na verdade uma passagem de ida/volta hoje deve estar beirando os R$ 3.800,00 kkkk mesmo assim não tem preço, compensa demais, é único sem duvidas!!! hehe
Nisso a minha companheira de viagem acordou (isso é que é ser feliz!!) e sumiu para o banheiro, bom eu também estava querendo esticar as pernas, já que ainda não tinha me levantado de lá desde que saímos de SP. Acho que era umas 6:40 quase o mesmo horário que eu costumo acordar todos os dias para ir trabalhar (tirando o fato que nesse caso, eu não tinha dormido quase nada). Então, tenho que dizer que no caso sou desequilibrada (em todos os sentidos kkk!) fico boba quando as pessoas entram no busão, cheias de sacolas, mochilas, cadernos e dão só uma encostada nos bancos e tá tudo certo, mas eu, poxa, fico segurando em toda parte, desabando em cima das pessoas huahauha tá, eu tinha que tentar, peguei meu kitizinho da TAM (escovinha, pastinha, pentinho inho inho) e fui me recompor, imagina a minha cara de sem dormir e tensa affff tava rolando uma filinha no banheiro mas eu fui mesmo assim para andar um pouco, ficar em pé, enfim andar no avião em movimento é horrível, ele fica muito oscilando e não tem onde segurar haha o banheiro do avião em si é peeeor ainda!!!! argg só gostei do espelhão, mas tem milhões de mini compartimentos com nome em inglês que eu nem fazia ideia para que servia (ah eu sei inglês básico, gírias, e não esses “termos técnicos banheirísticos de Airbus” kkkk) odiei! Fiquei com medo de abrir alguma daquelas mini portinhas e encontrar sabe Deus o que lá dentro huahauhuahua
Mas deu pelo menos para se recompor da noite não dormida. Mesmo sem make-up, (digo sem base, pó, rímel, sombra, batom, blush etc etc etc hehehe) Passei um mísero batonzinho né gente, que pra mim no caso é o mesmo que “sem make-up” hehehe ah eu não ia ficar passando maquiagem no avião, ainda mais com aquela oscilação toda, hehe ia ficar tudo borrado. De volta ao meu assento, vi que estávamos quase em Portugal (ebaaaa!) e já tava um cheirinho tão bom de café da manhã (nhami-nhami) que fome! Já passava das 7 da manhã (horário Vânia Wolf) a gente tava tomando café da manhã e assim chegamos na EUROPA !!!
Não dava pra acreditar mais eu tinha passado pelo Oceano Atlântico inteiro! 
Eu tava no Velho Mundo, não ia mais virar comida de peixinho no fundo do oceano .... huahauhau Mas pra mim, foi incrível essa chegada em Portugal, já que tenho raízes portuguesas, tenho uma parte de sangue português, meu avô por parte de mãe era filho de portugueses, eu pensei muito nele nessa hora, afinal sou meu avô: amo vinho, amo Che, sou anti-american dream, torço contra a seleção brasileira de futebol sempre, principalmente contra a Argentina a assim vai...hihihi Tentei achar alguma foto na internet dessa aproximação by avião na Europa mas eu não achei nada, vai ficar só na minha memória mesmo...
Depois veio a Espanha, faltava pouco...pouco.... que ansiedade, que desespero! Mais um pouco de mar, a Bacia de Biscaia (que tipo eu olhei no Google agora, não tinha isso no mapinha do avião, a minha partner teimando que era o Mar Mediterrâneo, e eu dizendo que não, o Mediterrâneo é no sul da Europa...) mais isso tudo era pra criar assunto, enrolar e fazer o tempo passar mais rápido o que importa se é Bacia, se é mar, se é Canal ou Rio Amazonas, eu queria chegar looooooooogo e o importante era que faltava menos de 2 horas para Paris!!! Uhuuuuuu! Eu tava muito empolgada, nervosa, desesperada, a vista estava linda de morrer! Mas piloto, por favor, acelera aeeee 800km/h tá muito devagar pow ! hehehe


























À bientôt !

sábado, 23 de junho de 2012

A primeira turbulência a gente nunca esquece

Salut à tous !

Não muito tempo depois que eu finalmente tinha conseguido dormir, meio que uns 30 minutos depois eu acho.... ouvi um super beeeepppp no meu fone de ouvido (tipo quando a gente tá ouvindo música altíssima distraidamente no computador e vem aquela ATUALIZAÇÃO DE ANTI-VIRUS que quase explode o cérebro??? Então...), era o piloto fazendo um anúncio mais ou menos assim: Senhoras e senhores permaneçam sentados e com os cintos apertados, estamos passando por uma área de turbulência (e depois no inglês cômico dele) eu fiquei em choque (queria ver a minha cara de pânico naquele momento hehe) NÃO!!!! plissss tudo menos turbulência, parei de respirar, parei de piscar, parei de pensar, meu coração parou ou disparou sei lá hahaha na expectativa da minha primeira turbulência no ar em pleno Oceano Atlântico, em plena temporada de tempestades tropicais no Oceano Atlântico (ah é, eu li que as peeores tempestades tropicais no atlântico ocorrem entre junho e novembro) e provavelmente bem lá, no local fatídico acidente de 2009, também isso que dá ficar lendo cada notícia que saía do A447 e adorar as séries do JJ Abrams que é obsecado por “coisas” em aviões, visto Lost e Fringe !!

video
Só 25 segundinhos de turbulência de um vídeo da internet já me dá uma angústia......

Ahhh e o avião é tão sensível, tão instável, nervos de aço para não se preocupar! Para ajudar o momento pânico, como eu estava em estado de sono e acordei assustada, pensa na maluquice que me aconteceu: a primeira coisa que eu vi na minha frente foi uma pessoa com traços orientais vestida com uma jaqueta laranjona e de máscara hospitalar andando pelo avião (WTF!!!) nos milésimos de segundos que eu consegui pensar, eu pensei que eu só podia estar sonhando e que o avião estava sendo sequestrado por pessoas da Estação Dharma, ou coisa pior, ia ter um ataque terrorista, tinha uma bomba nuclear no banheiro, sei lá, e não me chame de louca não! Louca era essa japa maluca andando de madrugada num avião em turbulência com máscara hospitalar !!! Sério, meu coração vai bem obrigado, pelo menos em termos de ataques cardíacos aéreos !!!! 
Durantes alguns segundos (que pareciam horas!!) deu umas oscilações impossíveis de descrever em palavras, mas meio que como um carro passando por buracos na estrada (e em SP tem pouco buraco, não?! hehehe) só que a gente não tava no chão, digamos que estávamos um pouquinho mais alto....e eu ainda esperando pelo pior, pelo clímax: pessoas se debatendo, batendo as cabeças no teto, gritaria, drama, adrenalina!!! E....... assim..... a música voltou (like a g6, like a g6) a luzinha de aperte os cintos apagou, e tudo voltou ao estado normal (hmmm se é que 950km/h, 43 mil pés e -60 graus (é isso mesmo externo menos 60!!) se isso era o “normal” tinha tudo voltado ao normal !!! Uhuuu nada mal, passei de boa !! yeahhh!!! E o sono bateu de novo like a g6, like a zzzzzzzzzz, minutinhos depois o mesmo beeep, o mesmo piloto, anunciando a mesma turbulência (o mesmo inglês tosco), a mesma “oscilação” (e dessa vez nada da japa, será que eu tava sonhando?? huahuahua) e eu zzzzzzzzzzzzz De repente beeeeeep !!!!!!!
Juro, não é brincadeira, no prazo de 40 minutos mais ou menos foram 3 turbulências, a última até um pouco mais pesada (não, ninguém bateu a cabeça no teto hahahaa) e o mais engraçado (bom na hora eu não estava achando nada disso engraçado!!) eu tava tensa, suuuuper, mas sempre (apesar de eu estar ouvindo só aquelas 4 músicas) a música que tocava nessas horas de turbulência era sempre Like a G6 (que para explicar a estranha coincidência G6 é um jato executivo mais rápido do mundo e o trecho que diz: now i’m feeling so fly like a g6, agora eu me sinto nas alturas como um G6) bizarro néh? Eu perdi o sono, não dormi mais por nada naquele avião! Para mim já eram umas 5 da manhã (horário Vânia Wolf) quando eu olhei no mapinha para ver se já estava chegando....puuutz ainda faltavam 6 horas e meia!!! Como assim???!!!! Não tava nem na metade do caminho, que drama, que desespero, sem nada pra fazer, desconfortável e não tava nem na metade????
Acho que eu AINDA estava mais ou menos por ali no pós-turbulência (AINDA!!!AINDA!!)
Outra coisa que me deixou em extremo pânico, foi um negócio que me faz parecer imbecil, mas eu tenho que registrar pois foi um momento tenso importante e pode servir de utilidade pública para outras pessoas que passarem pelo mesmo problema...se a sua janela ficar assim:

Por favor, não entre em pânico, a janela não está trincando, você não precisa chamar a aeromoça, ou acordar o seu vizinho de vôo ou gritar histericamente (exemplo de coisas que eu pensei em fazer na hora). Eu juro que eu achei que a minha janela estava começando a trincar, acho que fiquei alguns minutos até entender que eram apenas cristais de gelo, tipo normal....quer dizer, também imaginei que esses cristais de gelo pudessem danificar a janela que presumo que tenha no mínimo uns 30cm de espessura.... mas enfim, o fato é que eu fiquei assustada pois eu não sabia, aliás nem imaginava esse pequeno aterrorizante detalhe que agora vc já sabe.... hihi

Mas dormir que é bom.... nada! Fiquei lá matando o tempo entre as músicas e a telinha interativa.....


À bientôt!

sábado, 16 de junho de 2012

Momento Música de avião


Salut à tous !!

Talvez, se eu fizesse como todos os dias, ouvisse uma musiquinha antes de dormir, com certeza eu ia cair no sono, eu estava bem cansada! A única diferença era que eu tava dentro de um Airbus330 à 800km/h, à 37 mil pés de altura, mandando uma turbina de não sei quantos mil decibéis na minha orelha, sem contar que eu estava sentada, e um frio de serra gaúcha no inverno, tirando esses detalhes básicos, se eu fechasse meus olhos, era como estar na minha cama hahaha!
Tentei então procurar alguma música decente na Radio TAM, sou meio chata para musica..... claro, eu tenho bom gosto hehe Que arrependimento, deveria ter levado meu player com as minhas músicas (eu só não levei porque ele carrega em entrada USB, e eu não ia ter onde carregar durante a viagem, então as baterias iam durar só para a ida provavelmente....). Enfim, o canal de rock da TAM: Katty Perry (oi???) e além disso a TAM fornece um fone de ouvido que é uma droga.... e o meu fone não tava dentro da minha nécessaire de coisas importantes como eu pensava, tava lá na mochila, lá no bagageiro e a minha companheira de voo já tava capotada no sono no meio do filme Meia-Noite em Paris hehehe
Eu deixei o volume no talo e mesmo assim as turbinas estavam com tudo!! Encontrei 4 músicas com as quais eu ia passar as minhas próximas 6 horas da minha vida (o que tava mais do que bom, já que as vezes eu fico numa de ouvir a mesma música durante o dia todo, ou a semana toda até) não eram das minhas preferidas mas davam para o gasto.

Como eu sou iniciante nessa vida de blogueira e muito mais iniciante ainda nos truques de HTML e tals, não sei como colocar player de música aquiiiiii (que vergonha!) Mas como sou versátil, vou colocar um link da rádio UOL para quem quiser ouvir e ficar saber do que eu tô falando, ok?? Então vamos lá:
A primeira Tiko’s Groove – I don’t know what to do essa música tocava quando eu tava na academia, eu nem gostava muito, é meio tosquinha, mas fez com que eu me lembrasse da academia, meu trabalho, minha casa, enfim de toda minha rotina no Planeta Terra, lá embaixo huahuahua.

A outra era Like a G6 – Far East Movement , que já tá meio out, meio fora de moda, mas eu adoro essa música, ouvi tempos atrás num episódio de Gossip Girl (o que foi?? eu assisto e dai??!!) e putz, me sentia a própria Serena Van der Woodsen pelas ruas de Indaiatuba city hahahaa

A outra era uma música muito chata da Rihanna que eu nem sou muito fã também, e incrível porque eu odiava essa música, nunca tinha ouvido ela inteira, mas quando comecei a prestar um pouco de atenção na letra, até que achei bonitinha: Hey boy, I really wanna see if you can go downtown with a girl like me, Hey boy I really wanna be with you cause you just my type ohhh na na na na !!!  o nome da música é What's My Name

E a última música também da Rihanna (Nooossa, pra quem não era muito fã !!!) essa eu já conhecia e achava até que legal, romantiquinha: Only girl in the world.
Não eram assim as minhas preferidas, mas tava bom para a situação ! Olhei no mapa e já estávamos passando por cima de Salvador, não por cima assim, mas perto, e eu já tinha voado o Brasil todo, que demais!!! Rumo ao Oceano Atlântico, inteirinho pela frente, nisso eu calculei que já seriam quase 4 da manhã...

COMO ASSIM !!!! QUASE 4 DA MANHÃ VÂNIA E VOCÊ NÃO DORMIU NADA AINDA POWWWW!!!!
Geral do avião tava dormindo, tudo escuro, tava ficando bem friozinho (amo frio! Sou frio! E sou friolenta, mas aquela cobertinha que eles dão pra gente no avião, vou falar viu?! Não dava nem pro gasto Hehehe) alias como assim começou a fazer tanto frio, afinal a gente tava indo em direção à Linha do Equador e não em direção à Antártida! Alguém me explica??? kkkkkk
Hihihi lá fora não dava pra ver mais nada alem de escuridão e a asa piscando, sei lá quando seria a próxima “terra à vista”, e não é que depois de um tempo a aeromoça passou lá e fechou a minha janela???? (hein???!! quem mandou??) bom também ficar olhando aquela asa piscando já tava me dando calafrios, realmente se um único misero parafusinho saísse dali, já era, sem chances (dramática) acho que era hora de dormir, a música foi ficando longe, longe like a g6, like a g6, now i’m feeling so fly like a zzzzzzzzzzzzzzzzzz.

À bientôt!